Teu Sonho Logo

Sonhos Recentes contém havia Página 3

Menu botão

Os Sonhos Mais Vistos

Coleção De Sonhos - Busca Sonhos

Sonhos no banco de dados cadastrados para serem analisados ​​e interpretados - pesquise sonhos contendo os símbolos do seu sonho


O sonho que eu tive hoje (9

O sonho que eu tive hoje (9 de julho de 2023) eu estava em uma fila enorme, no celular, quando uma garota passou por mim, me observando de perto, e acenou para mim e eu disse "oi" rápido e de maneira seca. Era a primeira garota que realmente gostou de mim. E corri atrás dela pouco depois, mas acabei perdendo ela de vista. de repente eu estava dentro de um lugar, o que parecia ser uma quadra, de parte coberta. Estava tendo o que eu diria ser uma reunião. Uma garota estava com problemas, logo eu me dispus rapidamente a ajudá-la, e ela me agradeceu pela ajuda. Fiquei prestativo quase todo o momento, ao ponto de que nem prestei atenção no que estava acontecendo ao redor. de repente eu estava dentro de um carro. Tinham pessoas comigo na parte de trás. Do nada o carro começou a ter sinais de falha e a andar sozinho por aí. Saímos do carro o mais rápido possível e a segui-lo para não perdê-lo de vista. Acabamos perdendo o carro de vista. de repente eu estava em uma igreja. Na verdade, eu estava na igreja em que eu frequentava. Mas a sala principal (a sala sacramental) era muito diferente e espaçosa. Haviam pessoas nela, sentadas em suas respectivas fileiras. Ainda não havia começado a reunião. Eu entrei e sentei na fileira que estivesse desocupada, e comecei a mexer no celular até o momento em que uma dessas pessoas se aproximaram de mim e começaram a conversar comigo de forma invasiva. Eu não queria conversar com ela, mas eu não queria ser rude. Tentei evitá-la olhando no meu celular, mas ela começou a olhar também e a julgar o que eu estava vendo. Eu não estava gostando nada do que ele estava fazendo.

Sonhei que uma amiga querida me havia

Sonhei que uma amiga querida me havia enviado em uma missão, que não me lembro qual era, mas no meio fui distraído porque apareceu uma cobra dourada gigante que estava no caminho entre eu e minha gata.

Estava com um amigo e ele me

Estava com um amigo e ele me levou a um lugar estranho dizendo q precisava ir ao banheiro, era um grande prédio formato de triângulo, não havia escadas e sim um pequeno espaço p pular de um andar p outro, enquanto eu aguardava sentada em uma escada um conhecido me gritou, me agarrou me deu um bjo no rosto perguntando cm quem eu estava, eu não respondi, olhei atrás de mim e a irmã desse conhecido estava lá e perguntei a ela o q estava acontecendo e ela disse q ele agora era solteiro, eu conseguir sair dali , desci as escadas e sentei em umas pedras e próximo de meus pés havia uma lagarta mt bonita vermelha e verde e brilhava mt, na minha frente tinha uma criança q estava de camiseta branca e grande, fiquei atenta p ela não encontrar na lagarta pois não sabia se queimava, foi qd percebi q essa criança não tinha um rosto e sim uma luz mt forte saindo do rostinho dela mas eu ainda escutava seu riso, de repente a lagarta se mexeu e com isso ela ficou maior e mais brilhante, pensei em pisar com medo de machucar a criança, e logo ela ficou bem grande com cabeça de cobra e qd mais ela rastejava mais ela crescia e brilhava mais e mais e ela foi passando pelo meus pés , mas não atacou nem a mim e nem a criança, ela só ria.

Tava eu e o Vinícius indo pra

Tava eu e o Vinícius indo pra casa do Nick, e no meio do caminho a Maria apareceu, a gente ficou conversando e brincando no caminho, daí ela foi embora pra cidade dela, era de noite e tava tendo uma tempestade, ai do nada eu e Vinicius tava no além, e ela indo embora. Mas daí a gente pegou uma moto e seguiu ela, chegando lá ela tava em uma loja, eu e o Vinicius entramos e vandalizamos, mas parecia estranho, a loja tava aberta no meio da neblina, só havia luz em alguns lugares, mas não tinha ninguém ali , ai a gente adotou uns bichinhos de estimação. Passou um tempo e a Maria disse “Agora eu lembrei que tem uma construção aqui em cima” e depois de dizer isso comeu meu pintinho de estimação na minha frente, e disse “nós entregamos eles sem perceber”, eu ia brigar com ela mas falei: “você também perdeu algo por causa desse lugar né?” Ai ela acenou que sim com a cabeça, e o Vinicius falou sobre o fato da gente estar em uma grande neblina, nos tentamos fugir, mas quando Vinicius percebeu que uma neblina e só tinha nos três ali, tudo começou a desmoronar, a neblina só ia aumentando, Maria disse: “ Ah não, Já começou”, ai o Vinicius fala: “Já é tarde, tudo de desabou, a gente tá sozinho”. Depois disso eu acordei.

Sonhei que estava em uma festa com

Sonhei que estava em uma festa com minhas amigas. lá chegava um homem e me pedia pra ir me beijar eu saía da festa com esse homem e ele nos levava pra uma casa, ele me dava água e muitos presentes só que eu comecei a passar a mau e percebi que ele havia colocado droga na minha bebida eu saía voltar pra festa e pedir ajuda pra minhas amigas. No meio do caminho ele tentava me pegar mas não conseguia. Cheguei na festa e consegui ajuda. Fim

Sonhei que estava em uma festa com

Sonhei que estava em uma festa com minhas amigas. lá chegava um homem e me pedia pra ir me beijar eu saía da festa com esse homem e ele nos levava pra uma casa, ele me dava água e muitos presentes só que eu comecei a passar a mau e percebi que ele havia me drogado, eu saía daquela casa pra voltar pra festa e pedir ajuda pra minhas amigas. No meio do caminho ele tentava me pegar mas não conseguia. Cheguei na festa e consegui ajuda. Fim

Sonhei que eu entrava em um campo

Sonhei que eu entrava em um campo aberto branco e te encontrava meu pai e meu irmão que já faleceram, só não conseguia ver minha mãe e meus outros irmãos que já faleceram. Mais havia mais pessoas de branco nesse lugar e meu pai vinha ao meu encontro falando que estava me esperando

É normal sonhar com um ator coreano

É normal sonhar com um ator coreano em que no sonho ele te considera como irmã (o) de consideração, que em uma parte do sonho ele te abraça chorando pedindo pra não virar estrelinha e que adoraria me conhecer um dia mesmo que seja impossível por estarmos longe e sermos de outros países, e que nesse sonho ele me conhece tão bem que tem uma parte em que ele me carrega pro hotel e após eu acordar ver uma bandeja com lamen coca e Pepsi morango e em um copinho chocolate e do lado uma carta dele dizendo que não sabia qual bebida eu gostava mais então ele comprou a coca e a Pepsi e o chocalate era por que eu sempre quis experimentar morango mergulhado no chocolate mas nunca pude por causa que nunca pedi aos meus pais por que sabia que não deixariam, no começo do sonho ele apareceu na minha escola me dando presentes e me dando abraço, e como minha escola é rígida sobre usar celular ele convenceu meu coordenador e diretora a deixar eu usar, e no recreio ele estava em uma das mesas me esperando com um monte de comida coreana por que eu sempre quis provar e no sonho em uma de nossas conversas eu comentei com ele, só que como começou a ter um alvoroço eu me escondi no banheiro e o ignorei por medo do que as pessoas iriam achar e os boatos que teriam, então eu comentei com minhas amigas e convencemos uma menina que estava nos escutando para fingir que aquilo tudo era para ela e tentar levar todos para a quadra de educação física, no começo deu certo, eu e minhas amigas fomos a mesa nos sentarmos e comermos a comida, mas eu ficava com um peso na consciência de eu ter tomado esta atitude, passou uns minutos e meu irmão de consideração que é um ator coreano se chama Ahn Hyo-seop estava voltando da diretoria até que ele foi arrastado pelas meninas da minha escola, até minha professora estava lá na multidão,logo eu comecei a me arrepender mais e mais, então ele veio correndo me chamando e a multidão atrás e quando eu vi eu comecei a entrar em pânico e chamei minhas amigas pra se esconder na cantina de baixo do balcão, então ele veio com a multidão e estava pedindo minha ajuda e eu já estava prestes a fazer algo até que dois amigos aparecem, e eles eram duas pessoas que suspeitavamos serem lgbts, eles nos salvaram daquela multidão e também o Ahn Hyo-seop e então fomos para a quadra de educação física terminarmos nosso lanche e o Hyo-seop me pergunta o por que eu me escondi dele e eu disse que é por que estava com medo da multidão e do que poderiam pensar, então ele me reconfortou com um abraço e um cafuné na cabeça falando que estava tudo bem, dizendo ainda que se ele me conhece ele sabe que eu não consigo lidar com multidão e ele entende isso, na metade do sonho quando estou no hotel e se passou umas horas e eu estava vendo dorama e como eu peguei no sono e tenho um sono pesado ele ficou minutos batendo na porta quase chorando achando que tinha acontecido algo e quando eu calcei as pantufas que ele deixou para mim e corri pra abrir a porta ele olhou pra mim com os olhos brilhando e me deu um abraço forte dizendo que não era pra mim assustar ele daquele jeito e eu comecei a chorar pedindo desculpas e quando ele parou de me abraçar e estava segurando meus braços gentilmente ele enxugou as lágrimas e disse que ele que devia pedir desculpas por estar agindo como idiota e estando preocupado comigo, então eu comecei a ficar com sono e quase cochilando quando ele pediu pra subir nas costas dele, ele me chamou de minha pequena bixo preguiça por eu ter dito que eu me pareço com uma, então ele me levou para seu quarto me colocou na cama dele e ele havia chamado uma amiga para eu experimentar umas roupas e vestidos, e mesmo nessa parte do sonho eu estando dormindo eu ainda pude ver o que estava acontecendo, e quando a amiga dele perguntou onde a cliente especial dela estava meu irmão de consideração Hyo-seop respondeu dizendo que sua cliente especial estava dormindo e que a bixo preguiça dele precisava descansar para uma grande escolha de roupas, então após dizer isso ele me olhou sorrindo e quase chorando, então só me lembro que após isso ele fez um sinal para ela chamando ela pra mostrar as roupas que ela sugeria que ficaria bom em mim e dps disso não vi mas nada, passou uns minutos e eu senti um toque leve então me assustei e como era o Hyo-seop me acordando então ele se assustou tmb e bateu a cabeça dele na parede, e eu pedi desculpas por isso por que achei que era um bixo, ele disse que tava tudo bem que nem havia doído muito então ele pegou minha mão e me levou até a sala onde estavam muitos vestidos e roupas que até existem na vida real, experimentei todos e alguns teve que devolver, a noite fomos jantar e lá estavam um monte de atores e atrizes coreanas (o) e meu irmão de consideração Hyo-seop disse que ele havia falado muito bem de mim para eles e eles queriam me conhecer então eu fiquei feliz por que havia alguns que queria conhecer realmente e eles eram muito gentis e até cheguei a comentar com o Hyo-seop que este luxo que estava vivendo nem eu poderia pagar, e no momento que eu disse ele me tranquilizou dizendo que não era pra mim me preocupar, por que ele queria que eu vivesse os melhores momentos que ele pudesse me dar, eu já sonhei com ele 6 vezes, na segunda vez eu acordei onde estava sendo gravado o dorama my demon e ele estava lá e quando ele me viu ele me gritou por um apelido que ele nomeou como pérola ou lua, ele me abraçou e disse que já estava com saudades de me ver, eu perguntei por que eu estava lá e ele disse que ele havia me trazido pra lá pra passar um tempo comigo, ele me levou pra fazer uma caminhada e me perguntou como eu estava indo, eu disse que eu tava bem mas o primeiro sonho que tive com ele ainda estava martelando na minha cabeça, mas aí eu lembrei que tinha visto na Internet que em sonhos lúcidos certas perguntas geram confusão, e ele olhou pra mim e disse que eu não precisava me preocupar, ele não iria agir estranho igual eu estava talvez pensando, eu respirei aliviada e continuamos a caminhar, ele me levou em um mercadinho me comprou kimchi e lamen, ele me entregou e disse que dá última vez que eu comi quando ele levou para mim eu tinha gostado então ele decidiu comprar mais, e o bizarro é que tudo era muito real, eu sentia até o gosto da comida, após terminar de comer percebi que ele estava me olhando com um olhar triste e então perguntei o por que ele estava me olhando daquele jeito, e ele disse que era por que ele poderia não me ver mais vezes, e então eu disse que provavelmente ele não me veria mais por que afinal aquilo era tudo um sonho no final das contas, ele respondeu dizendo que tinha consciência disso mas a gente só poder nos ver por sonho seria muito difícil mas se for o destino nós poderíamos nos encontrarmos na vida real, então ele fez um pedido inesperado que era eu encontrar ele na vida real, tentar conversar com ele ou algo do tipo, seria super difícil mas que eu teria que tentar, então após esse pedido absurdo eu olhei pra ele com brilho nos olhos quase chorando e perguntei como ele poderia pedir uma coisa dessas, que esse pedido seria super complicado e até se fosse uma promessa ela nunca seria cumprida, então ele começou a chorar colocou suas duas mãos no meu rosto puxou ele gentilmente e beijou minha testa e me abraçou dizendo que mesmo que isso não fosse possível que eu tentasse, e caso não conseguisse ele apareceria nos meus sonhos para me visitar. Em um dos meus sonhos ele até me aconselhou de que toda vez que eu ficasse ansiosa pensando nesses sonhos que eu desenhasse todos os momentos meu e dele e escutasse músicas que me lembram momentos desse sonho para me acalmar e quando fiz isso na vida real eu realmente segui este conselho e deu certo, quando eu sonhei com este ator eu nunca tinha visto ele, apenas em 2 doramas e não sabia nada sobre ele, e ele me contou informações sobre ele que eu só havia descobrido que na vida real eram verdadeiros uns dias depois em um vídeo da Internet

Sonhei que estava indo para a casa

Sonhei que estava indo para a casa de uma amiga, pois meu namorado precisava ir para resolver algumas coisas para ela, já que é também advogado dela. Chegando lá, percebemos que estava acontecendo uma festa, da qual não fomos convidados. Porém, por educação a nossa amiga nos chamou para ficar. Eu sai um pouco de perto do meu namorado, e quando voltei ele estava conversando com uma mulher negra que tinha 3 filhos e ele conversava com ela na intensão de conseguir mais serviço como advogado. Eu chamei ele para dizer que deveríamos ir embora, já que a Ana só chamou para ficarmos por educação. Na hora que interrompi a conversa doles para tentar falar isso, ele ficou muito estressado. Gritou e me xingou tanto que tive medo dele. Depois disso, fomos para casa de moto. No caminho, alguém atropelou um gato branco e estranho na nossa frente, que ficou muito ferido. Na mesma hora eu tive a intensão de pegar o animal para cuidar, mas meu namorado me olhou tão bravo que não tive coragem de pega-lo. Por sorte, o moço que atropelou o gato estava disposto a levar o animal e cuidar dele. Com isso, resolvemos continuar nosso caminho para casa, e eu tive ideia de ir carregando meu namorado na garupa enquanto eu dirigia a moto, porém a moto ficou pesada de mais para mim e caímos, fazendo com que ele tivesse que voltar a nos carregar. Quando voltamos para casa, eu fui para o estágio, porém não era no mesmo local que já faço, era um lugar novo que eu havia começado a fazer estágio. Por algum motivo, o lugar parecia escuro e amedrontador. Na hora de sair do estágio, vi o homem que havia atropelado o gato na mesma rua em que o animal havia sido atropelado. O gato ainda estava com a sua patinha torta porém se encontrava com pontos nas costas. O homem estava dando um remédio para ele. Eu fiz carinho no gato antes de seguir para casa. Em casa, me sentei em uma mesa e comecei a me sentir mal. Quando olhei para baixo, tinha um buraco pequeno em minha barriga. Desse buraco, saia um pedacinho do meu intestino para fora. Comecei a gritar minha mãe, mas como tenho vergonha de gritar, o grito saiu baixo. Mesmo ela tendo ouvido, ficou dizendo que já ia, que só ia terminei o serviço, enquanto isso eu gritava para ela vir, porém ela demorou achando que era bobagem. Quando ela enfim veio, viu o meu intestino que agora tinha saído muito mais e resolveu me levar na médico. Nessa hora, já não era mais um pedacinho apenas do intestino, mas uma parte grande. E quanto mais tempo minha mãe e meu pai demoravam para arrumar nossas coisas para ir no hospital, mais meus órgãos iam para fora. A ponto de até mesmo o pulmão direito ficar para fora. Me lembro de dizer que não conseguia ir para o carro e deviam chamar uma ambulância. No tempo que meu pai chamou e a ambulância começou vir, muito sangue saiu da minha boca. Nessa hora, eu e meus pais nos desesperamos pela certeza de que eu não aguentaria. Já na maca da ambulancia, comecei a dizer, principalmente para minha mãe, que destratava dizer aquilo, mas que, se caso acontecesse algo comigo, nao queria que ninguém ficasse o resto da vida triste, queria que fosse capaz de seguir em frente e ser feliz. Enquanto minha mãe falava que não conseguiria, pois era muito para ela aguentar, eu acordei .

Eu e mais duas pessoas estávamos correndo

Eu e mais duas pessoas estávamos correndo a caminho de algum lugar perto de uma floreta, de alguma forma eu sabia que havia um perigo eminente de luta. De repente no céu apareceu um rosto de uma bruxa, de alguma forma eu sabia que ela estava dando suas ultimas palavras em forma de oraculo. E o oraculo que ela trazia dizia o seguinte sobre mim "A morte dispara uma armadilha, essa armadilha captura um rato, o rato pode dividir com um outro, mas os outros não pode saber." De alguma forma eu sabia que ela se referia a licantropia...Seguimos para a floresta para encontrar o restante das bruxas, haviam vivas ainda 3 bruxas, elas possuíam corpos de troncos de arvores e raízes, embora estivessem nuas a forma de seus corpos não causava desconforto a quem as olhava. Paradas na minha frente a direita uma estava de pé com as mãos decepada, e sangrava, a do meio estava sentada na minha frente e parecia cansada, em pé a esquerda a outra parecia estar agonizando com seus pés cravados na terra, então acordei.