Teu Sonho Logo

Sonhos Recentes contém ver Página 4

Menu botão

Os Sonhos Mais Vistos

Coleção De Sonhos - Busca Sonhos

Sonhos no banco de dados cadastrados para serem analisados ​​e interpretados - pesquise sonhos contendo os símbolos do seu sonho


Passava em frente da casa de uma

Passava em frente da casa de uma pessoa conhecida,e havia uma escadaria. Fumei um cigarro, havia 2 crianças a janela ao lado de fora e 2 mulheres na sala com a porta para a rua ao lado da janela onde olhavam as crianças. Passei a diante com a sensação de conhecer uma das mulheres a dentro mas nao quis entrar. Dei um aceno xomo um boa noite. Ela acenou e disse para esperar... nao esperei w ela veio atras de mim. Quando ela me alcansou estava passando por uma encruzilhada onde havia uma praça. Me convidaram duas mulheres parecidas como ciganas ou algum tipo de xamã fizemos um ritual com muita fumaça e fiquei meio embreagado com aquele ritual. Recebi ao final duas guias uma branca e uma vermelha. Acordei.

Essa noite sonhei que eu era muito

Essa noite sonhei que eu era muito pequena, mas vivia tranquila numa sociedade feliz. até que o teto começa a ser quebrado por pessoas muito maiores que nos caçavam pra comer, e foi quando eu percebi que na verdade éramos ratos em um esconderijo fugindo dessas pessoas.

Sonhei com um cachorro mordendo minhas mãos

Sonhei com um cachorro mordendo minhas mãos e n parava de morde eu tentava tira ele só qui ele n saia eu entrei em uma casa e consegui,eu corri quando eu corri apareceu várias árvores verdes e muitas cobras no chão cobras de todo tipo muitas mesmo eu conseguia correr em cima delas,elas não mim picav,eu fui perdendo as força e desmaiei foi quando eu acordei

Era noite e eu estava em lugar

Era noite e eu estava em lugar com muita gente, talvez um show. Nos trancamos em um banheiro. Dentro desse banheiro estava um cara, que chamarei de J, eu, e outras pessoas aleatórias. Fora do banheiro coisas estranhas aconteciam. É como se existissem vários zumbis, eles não tinham aparência monstruosa, eles tinham aparência das pessoas que estavam nesse show, elas apenas estavam agindo como zumbis. Havia uma discussão no banheiro pra saber quem iria sair, ir até um cômodo onde havia um cofre e pegar uma faca que estava lá dentro. A complicação disso era que se os zumbis vissem a pessoa se mexendo, eles atacariam. Quem saísse pra ir atrás da faca tinha que ficar brincando de estátua pra não ser pega pelos zumbis. J não queria sair. Por algum motivo, no meu sonho, eu inconscientemente sabia que o J tinha algo a ver com esses zumbis, não sei dizer se o sangue dele tinha o vírus que transformavam as pessoas em zumbis ou algo parecido. Alguém saiu do banheiro para missão mas foi atacado, e nós "acordamos". Sim, acordamos. Era como se todo mundo ali estivesse sonhando, uma grande sonho coletivo. Saindo pra rua percebemos que todas as outras pessoas tbm haviam acabado de sonhar, tinha muita gente confusa e com medo. Eu e o J nos desesperamos por que sabíamos que a noite todo esse evento iria se repetir. Então na mesma hora tomamos a decisão de comprar uma passagem de avião para sairmos do país e fugir dessa situação, aparentemente todo esse caos estava acontecendo apenas dentro desse país que estávamos, e no meu sonho parecia ser o Japão, embora não as pessoas no sonho não parecessem japonesas. Compramos, arrumamos nossas coisas, mas já estava quase anoitecendo. Corremos para pegar o avião a tempo, mas daí meu sonho corta para um cenário diferente. Eu e o J estávamos em uma estrada escura, rodeada de árvores, ainda com nossas mochilas nas costas, ouvimos um carro se aproximando e imediatamente nos escondemos entre as árvores. No carro estava alguns homens e um deles estava com arma, gritando dizendo que iria pegar o assassino, ele estava se referindo ao J (talvez por causa da ligação dele com os zumbis). O carro passou e nós voltamos pra estrada, mas minutos dps o carro estava voltando e nós fomos de novo para as árvores, mas os caras no carro perceberam o movimento e desconfiaram, nós começamos a correr freneticamente entre as árvores, os caras do carro seguindo a gente pela estrada. Daí surgiu uma voz grossa no meu sonho que dizia algo como "VAI", e eu acordei, bem assustada.

Sonhei vendo uma batalha no céu vi

Sonhei vendo uma batalha no céu vi uma árvore no céu metade murcha metade verde a batalha no céu só acabava quando descia um homem do céu

Sonhei com uma arvore no céu a

Sonhei com uma arvore no céu a metade era verde mais a outra metade era murcha derrepente do céu se iniciava uma batalha e só acabava quando começava a descer um homem tipo a aparência barbuda e vestido de roupa tipo vestido com um cordao vermelho na sintura .

Sonhei que caminhava com minha irmã mais

Sonhei que caminhava com minha irmã mais próxima passamos por um muro que percebi q era um cemitério e vi vários caixões aglomerados, após continuamos andando juntas e percebi q ia chover vi a chuva se aproximando de nós senti medo e quis voltar mas a tempestade nos pegou chuva limpa e forte nos molhamos toda, peguei nos meus cabelos bem molhados e prosseguimos, entramos em um corredor espécie de viela havia um homem em cima de uma escada fazendo conserto e outro abaixo acompanhava, brinquei com eles e passamos, senti medo pq o homem poderia cair da escada ao passar mas assim mesmo passamos por uma porta de madeira, um pouco adiante deparamos com um galho de árvore caído, abaixo havia um vaso com uma planta onde minha irmã perguntou se podia pegar a planta daí respondi pega logo pq ninguém está vendo e está na rua mesmo, ela arrancou a plantinha pela raiz e seguimos

Sonhei que alguém tinha se casado e

Sonhei que alguém tinha se casado e a vesta era em um navio no mar e que a atração era nadar com animais aquático incluindo tubarão e eu desci ao mar com um vestido vermelho e sentei ao fundo querendo tirar um foto quando um tubarão martelo manso venho e encostou a cabeça na minha barriga

A gente tinha ido pra um passeio

A gente tinha ido pra um passeio da escola, um passeio bem estranho, sabe aquele negócio lá que a gente fica pra pegar a lancha? Aquela ponte lá que eu me abaixei pra lavar minha mão quando eu sujei de picolé. Eu tava ali e do nada veio um idiota e empurrou todo mundo que tava ali em cima e eu tava com o celular na mão.Depois a gente entrou em um barco, um barco grande e sujo, e todo estranho, tinha até quarto e banheiro dentro do barco.Tinha um restaurante também e as pessoas estavam comendo churrasco,só que era pele de cachorro.Se olhasse pra fora do barco dava pra ver os cachorrinhos andando sem pele.Foi horrível.Nesse barco também tava Sonia e Ludmila mas elas só apareceram depois.As pessoas que estavam no barco eram muito preconceituosas, jogaram um colchão no quarto bem separados, colocaram o colchão de Heveli bem longe do de Sônia, claro que elas não iam fazer nada mas antes de sair falaram que ninguém era pra chegar perto de ninguém e nem ficar de conversinha.Amanda tinha sumido e eu fui atrás e do nada ela tá sentada em um lugar conversando com a Ludmila