Teu Sonho Logo

Sonhos Recentes contém Cidade

Menu botão

Os Sonhos Mais Vistos

Coleção De Sonhos - Busca Sonhos

Sonhos no banco de dados cadastrados para serem analisados ​​e interpretados - pesquise sonhos contendo os símbolos do seu sonho


Sonhei que estaba em um submarino, estava

Sonhei que estaba em um submarino, estava tudo certo, apos algum tempo uma pessoa tento me da umm sinal que algo estava errado e eu precisava deaviar era. Um sentimento de grande perigo. Eu corri e tentei fazer o desvio. A principio ficamos sem direcao e saimos em um rio. Um ainda que louco deste rio a um aub marino desgovernado em velocidade ele rampou e caiu na estrada sai desviando doa carros ate que parou. Sai ileso.

Eu sonhei que eu estava em uma

Eu sonhei que eu estava em uma casa em Paris, estava de noite e fui a janela, era uma cidade pequena,as casa eram bonitas e no fundo tinha uma zona rural... Muito mato grosso, porém não tinha gostado da aparência, olhei para o lado e tinha uma parte de uma cidade grande.. naquele momento eu queria ir para uma favela. Sai dali e fui para cama, pequei um livro e estava estudando sobre o signo de câncer...

Eu sonhei que estava nevando aqui na

Eu sonhei que estava nevando aqui na minha cidade é todo mundo estava dentro das suas casa porque estava muito frio, tinha um touro bravo que eu consegui controlar somente com o meu pensamento

Encontro-me num lugar escuro. Não sinto medo,

Encontro-me num lugar escuro. Não sinto medo, dor, frio, nem calor. Não sei onde estou, não sei o que faço aqui. 10 metros a minha frente percebo meia dúzia de luzes brancas bailando no ar. Elas são pequenas uma delas pisca num ritmo quase a se apagar. De repente as luzes flutuam em minha direção. Aí meu Deus - o que que é isso?Coração acelera e o medo do desconhecido impulsiona-me a correr na direção contrária. Em meio a fulga, pergunto-me: o que são essas luzes? Porque estão me perseguindo? O que elas querem de mim? Ah, conceteza são alienígenas! Devo corre mais rápido para não ser capturado. Nessa angustiante busca por respostas, ouço uma voz de homem dizendo: As luzes querem algo seu. Pergunto, o que elas querem de mim? A resposta é dada por uma visão. Vejo minha camisa (estampa florida com pétalas azuis e vermelhas). Penso, "mas elas querem a camisa que mais gosto, sem contar que essa ganhei de presente do meu amor". Em meio a escuridão tiro a camisa do meu corpo e deixo-a para trás. Então, finalmente, avisto um barco encalhado que serviu-me de ponte para orla de uma cidade. Agora encontro-me na orla iluminada pelas luzes dos postes. Vejo, bancos de concretos, árvores. Também vejo pessoas, mas não atento ao rosto de nenhuma delas. Minha maior preocupação é saber se já não sou mais perseguido. Aliviado estou por não ver mais aquelas luzes, alienígenas, ou sei lá o que. Não demora muito para vir o susto. Nossa! Ainda estou vestido com a roupa que as luzes queriam de mim. Vejo que a roupa que deixei para trás foi uma camisa antiga (tonalidade rosada, com estampa florida e pétalas verdes). Essa camisa eu quase não uso. Receoso, tiro do meu corpo a camisa, cujo as luzes tanto almeijam. Peço para um garoto deixá-la pendurada próximo ao barco, afim das luzes encontrá-la.

SONHO – LUZES - NOITE Encontro-me num

SONHO – LUZES - NOITE Encontro-me num lugar escuro. Não sinto medo, dor, frio, nem calor. Não sei onde estou, não sei o que faço aqui. 10 metros a minha frente percebo meia dúzia de luzes brancas bailando no ar. Elas são pequenas uma delas pisca num ritmo quase a se apagar. INT. PERSEGUIÇÃO - NOITE De repente as luzes flutuam em minha direção. Aí meu Deus - o que que é isso?Coração acelera e o medo do desconhecido impulsiona-me a correr na direção contrária. Em meio a fulga, pergunto-me: o que são essas luzes? Porque estão me perseguindo? O que elas querem de mim? Ah, conceteza são alienígenas! Devo corre mais rápido para não ser capturado. INT. CONTATO DESCONHECIDO Nessa angustiante busca por respostas, ouço uma voz de homem dizendo: As luzes querem algo seu. Pergunto, o que elas querem de mim? A resposta é dada por uma visão. Vejo minha camisa (estampa florida com pétalas azuis e vermelhas). INT. CAMISA - NOITE Penso, "mas elas querem a camisa que mais gosto, sem contar que essa ganhei de presente do meu amor". Em meio a escuridão tiro a camisa do meu corpo e deixo-a para trás. Então, finalmente, avisto um barco encalhado que serviu-me de ponte para orla de uma cidade. INT. DO OUTRO LADO DA ESCURIDÃO Agora encontro-me na orla iluminada pelas luzes dos postes. Vejo, bancos de concretos, árvores. Também vejo pessoas, mas não atento ao rosto de nenhuma delas. Minha maior preocupação é saber se já não sou mais perseguido. Aliviado estou por não ver mais aquelas luzes, alienígenas, ou sei lá o que. INT. REVELAÇÕES - NOITE Não demora muito para vir o susto. Nossa! Ainda estou vestido com a roupa que as luzes queriam de mim. Vejo que a roupa que deixei para trás foi uma camisa antiga (tonalidade rosada, com estampa florida e pétalas verdes). Essa camisa eu quase não uso. Receoso, tiro do meu corpo a camisa, cujo as luzes tanto almeijam. Peço para um garoto deixá-la pendurada próximo ao barco, afim das luzes encontrá-la. FIM DO SONHO INT. QUARTO – NOITE Acordo sobressaltado, com medo e pensativo - só passado alguns instantes consigo abrir os olhos, levantar da cama, ligar a luz e perceber que estou na segurança do meu quarto.

Sonhei com meu ex. Que ainda estávamos

Sonhei com meu ex. Que ainda estávamos juntos, mais estava tentando ir embora. Era como se estivesse sido sequestrada, pois queria ir embora e voltar para casa minha família atual, meu atual esposo e filhos. Mas ao tentar, meu ex ficava muito nervoso, explodindo de raiva, tive várias tentativas de fugir. Na última, eu consegui. E encontrava o pai do meu ex, e pedia para ele me ajudar. Ele tentava, íamos em vários pontos de ônibus, mas nenhum passava, de repente, os locais iam perdendo a luz, ficando escuro. Chegamos em um último, e nele tinha um poste caído, mais que ainda corria eletricidade nele, e tudo apagava de novo, e dessa vez não via mais o pai do meu ex. Saia procurando e não o achava. Subia numa árvores, que se movia os galhos, e tentava cortar caminho indo por ela. Cada galho que eu ia, tinha uma pessoa, que eu não conseguia ver, pois estava tudo escuro. Até que conseguir ir ao chão, e aonde cheio tinha luz, e procurava um ponto de ônibus, chegava num, que era na entrada de um hospital, e ficava no poste que era o ponto de ônibus. Mas nada de passar. Eu ficava ouvindo o som da eletricidade no meu ouvido, e de repente eu olhava para frente e estava tudo escuro, só tinha luz no poste aonde eu estava, e ouvi como se fosse ter um cuiti circuito na eletricidade, então acordei muito atordoada, tremendo, e chorando compulsivamente.

Sonhei que eu estava na varanda de

Sonhei que eu estava na varanda de uma casa aí estava de noite , eu olhava para o outo lado do rio era uma cidade , e eu via fumaças vermelhas de fogo , via tbm três pontos brilhosos no céu , onde eles caim o fogo aumentava , via tambem meu irmão com um botijão de gás , ele abria aquele botijão , e eu via muito gás saindo eu sentia um forte cheiro de gás ..

Sonhei com o homem que amo me

Sonhei com o homem que amo me procurava, no entanto era numa cidade que morei parte da adolescência, ouvi a voz dele e saí ao portão e vi o carro dele estacionado, olhei a volta e ele estava falando com dois amigos da minha família e quando me viu veio até a mim com uma mala pequena nos ombros, porém uma pessoa pediu para ele levar alguém na estação rodoviária, eu disse que tudo bem e que o esperava me virei e já estava na minha atual cidade, subi as escadas para esperar por ele. Nesse momento acordei