Teu Sonho Logo

Sonhos Recentes contém corredor

Menu botão

Os Sonhos Mais Vistos

Coleção De Sonhos - Busca Sonhos

Sonhos no banco de dados cadastrados para serem analisados ​​e interpretados - pesquise sonhos contendo os símbolos do seu sonho


Tudo começou na escola. Era um dia

Tudo começou na escola. Era um dia de aula comum e eu seguia pelos corredores. Não lembro exatamente porquê, mas o lugar todo estava um drama. Não estava envolvida em nenhuma das histórias, até inevitavelmente ser arrastada pra uma delas. Enquanto ajudava uma amiga (ela não era exatamente alguém real, e também não lembro o seu nome agora) a procurar a namorada, entrei no banheiro. Talvez para respirar, sei lá, não importa, quando cheguei eu encontrei a namorada dela: traindo ela com uma amiga na pia. Só lembro de sentir nojo. Além delas não terem sido nada discretas as vadias ainda eram anti-higiênicas! Daí pra frente, o sonho mudou. Meu outro colega, Pedro Henrique (Interessante ele estar aqui nesse sonho, nem gosto dele), acaba descobrindo também. Como o fofoqueiro que ele é, não demora pra escola toda ficar sabendo depois. Nisso caminhamos para mudança: tentei sair dali o mais rápido que fosse pra escapar dos burburinhos, apesar de não ser sobre mim era sobre alguém em que conhecia e era próxima. A escola me deixava desconfortável e o ambiente começou a mudar. As escadas se tornaram mais largas, mas eu sabia que não eram confiáveis para meu acesso; uma multidão de alunos começou a sair e, claro, Pedro Henrique estava atrás de mim me chamando. Não sei para o que exatamente, porque a multidão me pegou. Quase me afoguei neles como se tivesse levado um caldo do mar, então, ao me apressar mas consegui chegar intacta.

Tudo começou na escola. Era um dia

Tudo começou na escola. Era um dia de aula comum e eu seguia pelos corredores. Não lembro exatamente porquê, mas o lugar todo estava um drama. Não estava envolvida em nenhuma das histórias, até inevitavelmente ser arrastada pra uma delas. Enquanto ajudava uma amiga (ela não era exatamente alguém real, e também não lembro o seu nome agora) a procurar a namorada, entrei no banheiro. Talvez para respirar, sei lá, não importa, quando cheguei eu encontrei a namorada dela: traindo ela com uma amiga na pia. Só lembro de sentir nojo. Além delas não terem sido nada discretas as vadias ainda eram anti-higiênicas! Daí pra frente, o sonho mudou. Meu outro colega, Pedro Henrique (Interessante ele estar aqui nesse sonho, nem gosto dele), acaba descobrindo também. Como o fofoqueiro que ele é, não demora pra escola toda ficar sabendo depois. Nisso caminhamos para mudança: tentei sair dali o mais rápido que fosse pra escapar dos burburinhos, apesar de não ser sobre mim era sobre alguém em que conhecia e era próxima. A escola me deixava desconfortável e o ambiente começou a mudar. As escadas se tornaram mais largas, mas eu sabia que não eram confiáveis para meu acesso; uma multidão de alunos começou a sair e, claro, Pedro Henrique estava atrás de mim me chamando. Não sei para o que exatamente, porque a multidão me pegou. Quase me afoguei neles como se tivesse levado um caldo do mar, então, ao me apressar

Sonhei que estava em uma cidade que

Sonhei que estava em uma cidade que já morei a anos atrás, e estava mostrando ela a uma amiga, de repente estava a noite e as pessoas correndo, tinha um elefante pequeno, ele era meio diferente de um ele elefante comun, e tinha outro animal estranho, era meio cachorro e meio porco e esse corria pra atacar as pessoas. Todo mundo correu e nos ficamos, ele veio em minha direção e se bateu em minhas pernas, eu comecei a cantar e esses animais dormiram, chegou um rapaz de moto, eu pedi ajuda e ele negou, depois ele voltou e disse que não conseguia ir sem nos ajudar, ele ligou a moto enquanto eu cantava pra o animal dormir, eu subir na garupa e fugimos, durante o percurso ele alisava a minha mão, e colocava ela na cintura dele pra eu segurar, eu me sentir bem e com confiança( eu não sei quem era o rapaz da moto) depois ele me deixava em uma antiga republica que morei, encontrava minha amiga e saimos atrás de um rock(festa que se fala la)entramos eem uma casa estranha de andares, tinha muita gente, mas não era festa, eu cruzava com o rapaaz da moto,tento falar com ele e ele fingi que não me conhece.então vou percorrendo a casa ate que subo a uma sala estranha, decorada de halloween e cheia de coisas estranhas, um corpo no chão. Logo chamo manhã amiga e descemos para sala, no caminho encontro pessoas familiares, outra amiga, uma prima. E nessa sala começam a falar de rituais espirituais e eu sinto muito medo, sento em uma escada para não ver, mas consigo escutar e sindo medo e ansiedade. Em seguida eu digo, a mulher está andando no corredor do meu lado, eu escuto os passos dela indo e vindo. De repente ela vem em minha direção, como se alguem estivesse tomando o corpo dela, ela me olha com raiva e tenta vim em minha direção, ass pessoas que estavam ao redor não deixam q ela chegue ate mim, ela me passar um recado, de que preciso me livrar das amarras que fizeram para mim. Eu vou embora com minha amiga,descemos a escada,ao chegar na rua minha prima me espera com um carro, vou eu e duas amigas, eu abro a porta da frente pra entrar, quando minhas amigas vão a abrir a porta do fundo, eu vejo um cadeado no lugar e ele esta trançado, eu dou risada e falo com minha prima, um cadeado fechando a porta do carro. E ela diz, nao e meu, saímos e começamos subir uma ladeira que da a minha antiga faculdade,so que tinha gelo na ladeira, mas subimos tranquila, chegando lá a faculdade vazia, eu apresentava a elas, porém fora tinha muitas pessoas. Eu queria encontrar as pessoas que conheci quando morei la, mas todas as pessoas eram desconhecidas

Há alguns meses tenho sonhado frequentemente com

Há alguns meses tenho sonhado frequentemente com Labirintos e essa frequência tem me incomodando. A princípio eram escadas e eu sempre estava correndo fugindo de alguém Logo depois eram Labirintos de terra todo fechado como se fosse um castelo muito velho e se desfazendo tinham muitas portas e eu sempre tinha q decidir qual ir para ter a saída e sempre com medo de entrar em uma ee perder ou ser pega por algo Dps as portas sumiram, mas a terra aumentou ,. Era terra quase q como se tivesse molhando areia p fazer um castelo de areia, e em alguns caminhos tinham algo MT escuro q matava ou assustava MT, e em alguns momentos via as pessoas entrarem, o coração estava spre angustiado com medo de entrar em um desses corredores Atualmente sonhei como se estivesse entrando em um brinquedo legal, mas q esse brinquedo ia se transformando em um labirinto de terra aos poucos, e eu ia me desisperando pois lembrava q já estive algumas vezes em uns e era horrível. Tinha medo de entrar em um corredor ( q cada vez mais ia se estreitando e ficando baixo ao ponto de engatinhar ) e esse corredor ou me levar a um labirinto extenso, ou ao um sem saída, ou a um com algo escuro e ruim. Tinha portas, mas eram poucas, acho q no início,e elas imitavam uma porta de casa de boneca de criança. O início do senho era lindo um senário mais infantil e rosa, mas q dps ia ficando terroso , lembro q meus pais me esperavam no fim dele, em um dos corredores q tinha saída. Estou vindo aqui pq fiquei muito angustiada com sonho e queria entende-lo

Sonho a muito tempo o mesmo sonho

Sonho a muito tempo o mesmo sonho onde um tigre e meu amigo mais tenho um pouco de medo,saio por um corredor, com becos e casa, escada subindo e descendo, vejo meus filhos pessoas que amo e outras que não conheço, dessa vez o mesmo sonho mas o tigre era novo e os mesmos beco escada

Ia passando numa pequena ponte de madeira

Ia passando numa pequena ponte de madeira sobre um corredor. De repente um sapo verde fluorescente grande pulou na minha frente. Tentei pegá-lo e ele fugiu pulando mas soltando 3 barras de um metal amarelo e umas gotinhas do mesmo metal. Um metal bem brilhante amarelo. Notei que a língua do sapo tinha como que um cifrão em alto relevo. Peguei as 3 barrinhas e as gatinhas do metal e brilharam muito na minha mão. Daí acordei.

Sonhei que caminhava com minha irmã mais

Sonhei que caminhava com minha irmã mais próxima passamos por um muro que percebi q era um cemitério e vi vários caixões aglomerados, após continuamos andando juntas e percebi q ia chover vi a chuva se aproximando de nós senti medo e quis voltar mas a tempestade nos pegou chuva limpa e forte nos molhamos toda, peguei nos meus cabelos bem molhados e prosseguimos, entramos em um corredor espécie de viela havia um homem em cima de uma escada fazendo conserto e outro abaixo acompanhava, brinquei com eles e passamos, senti medo pq o homem poderia cair da escada ao passar mas assim mesmo passamos por uma porta de madeira, um pouco adiante deparamos com um galho de árvore caído, abaixo havia um vaso com uma planta onde minha irmã perguntou se podia pegar a planta daí respondi pega logo pq ninguém está vendo e está na rua mesmo, ela arrancou a plantinha pela raiz e seguimos

Sonhei que chegava em um local de

Sonhei que chegava em um local de comércio e lá tinha uma loja de jóias e semi jóias , quando eu chegava perto da loja eu avistava um cordão muito bonito de olho grego no chão , do lado de fora da loja , como se tivesse caído da vitrine , eu chegava perto e não pegava ele , uma moça me perguntava o valor e eu dizia que não trabalhava na loja. Mas que aquele cordão custava caro . Então eu ia embora da loja , chegando no corredor fomos abordados por duas moças jovens , elas eram vendedoras da loja de semi jóias ... Eu estava com a minha filha de 2 anos e meu esposo . Então uma das moças entregava um papel com um código de 5 números , não me lembro o número mas começava com o 9 . E uma bola , mandava eu dar a bala para minha filha , e eu não dava , então a moça insistia , e eu negava ... Ela ficou fazendo com que minha filha quisesse a bala . Mas eu como mãe não deixei minha filha chupar a bala , logo depois passou uma outra família ,também com uma criança no colo e a menina da loja também entregou um papel e uma bala para a mãe dessa outra criança , que imediatamente abriu e entregou para sua filha chupar ... Eu assustava falava para a menina da loja que se essa criança que chupou a bala passa-se mal , eu ligaria para a polícia .foi quando uma das moças me olhou nos olhos com um olhar de raiva e disse que a criança ia passar não e morrer com a boca cheia de espuma . Eu fiquei desesperada , fui correndo atrás da mãe e da criança , mas já era tarde . A criança já estava com a boca espumando .... Eu comecei a gritar e pedir socorro , pedindo pra chamarem a polícia ... Acordei assustada

Boa tarde preciso de ajuda para interpretar

Boa tarde preciso de ajuda para interpretar se estou com olhado ou entender esse sonho. Eu acabei adormecendo de 11h e o meu sonho se passou dentro da minha casa, onde eu acordava no exato lugar onde estava dormindo na vida real. Eu acordava como se fosse real, mas me sentia muito pesada, sonolenta, ficava desmaiando de sono e acordando várias vezes dentro do meu sonho pq eu tinha coisas que eu precisava resolver, como por exemplo ter pisado em uma lagartixa, e eu tenho fobia de lagartixa. Eu precisava estar acordada pra poder tirar ela do chão do chuveiro mas eu sempre apagava. Então eu percebi que eu estava ainda dormindo e minha consciência "voltou" ao meu corpo, dessa vez eu acordei novamente e me sentindo ainda muito cansada, pesada, como se algo me puxasse para o chão. Nessa parte do meu sonho haviam duas pessoas que eu conhecia que estavam dormindo no corredor do meu prédio e eu estranhava o fato do quarto delas ser passado por outras pessoas, eu queria abrir a porta e chamar elas pra dormir em um outro quarto da minha casa que era dentro dela mas eu sempre apagava, fiquei agoniada por não ter acordado de verdade mais uma vez e voltei ao meu corpo novamente, desta vez eu acordei mas o meu corpo estava tão pesado que eu não conseguia levantar, tentei muito e muito mesmo, muito esforço mas não consegui de jeito nenhum, então "acordei" mais uma vez e dessa vez eu estava andando extremamente sonolenta, sem conseguir manter o meu rosto estável, realmente quase como um zumbi, meu namorado me perguntava se eu preferia um apartamento com 4 quartos ou 2 e dizia que íamos nos mudar pra Argentina, eu fiquei desesperada no meu sonho e finalmente acordei na vida real mas eu verdadeiramente acordei com o corpo pesado, sonolência e sensação de que eu apagaria novamente. Ainda estou me sentindo assim, estranha, com o coração muito acelerado pois acordei com medo de não ter acordado de verdade. Não é a primeira vez em que tenho sonhos em que eu estou muito sonolenta ou apagando de sono, sem conseguir me manter estável pra nada.

Se repetiu uma cena da vida real

Se repetiu uma cena da vida real várias e várias vezes no mesmo sonho depois sonhei com um corredor para uma sala e fui o primeiro a entrar mas não é normal, depois uma colega provocou me com a mão na perna e depois mais para cima, e apesar de ter namorada, nada fiz