Teu Sonho Logo

Sonhos Recentes contém da minha casa

Menu botão

Os Sonhos Mais Vistos

Coleção De Sonhos - Busca Sonhos

Sonhos no banco de dados cadastrados para serem analisados ​​e interpretados - pesquise sonhos contendo os símbolos do seu sonho


Primeiramente eu sonhei que estava grávida, com

Primeiramente eu sonhei que estava grávida, com um teste positivo na mão e eu sou virgem , por exatamente esse detalhe no sonho eu ria disso pois não fazia sentido mas estava grávida, logo após isso o cenário muda e eu estou na varanda da minha casa e tem algumas pessoas na rua de baixo , uma delas incluí minha mãe, a gente tava rindo do povo do bar de baixo mas eu estava na varanda em cima apenas observando quando do nada sinto um toque , algo puxando minha camisa na região das Costas e no mesmo minuto meu corpo todo estremece de medo , minha mãe na rua olha pra mim e diz "eu vi asas" aí eu digo "é sério " e fico em choque , e aí ela diz "espero que o anjo esteja bem " e aí eu acordei na hora ..

Sonhei com minha ex namorada batendo na

Sonhei com minha ex namorada batendo na porta da minha casa depois de muito tempo com uma criança no colo e acompanhada de uma mulher minha mãe atendeu a porta

Eu estava em uma festa, no terreno

Eu estava em uma festa, no terreno da minha casa mas eu estava na parte da frente e de frente para a rua, quando eu olhei para a rua vi um homem sendo atropelado, decidi ir para minha casa e cheguei lá todo mundo tinha apanhado do rapaz que corta meu cabelo, eu decidi ir atrás dele, e minha ex namorada estava me mandando mensagem, entrei numa casa que era igual a dela, mas tinha um amigo e um cara desconhecido lá, tinha uma escadaria eu decidi subir estava um amigo do meu pai e o rapaz que corta meu cabelo com armas nas mãos me culpando de ter feito algo e eu não sabia o que era e eles não me falavam o que eu tinha feito... e o barbeiro decidiu em atirar em mim, porém o tiro pegou na escada e acabou pegando nas minhas costas eu senti o sangue senti a dor, e sai correndo até meu carro e eles atirando em mim lembro de ter tomado um tiro no braço e outro na perna, assim que eu abri a porta do carro eu acordei

Sonhei com um leão querendo me pegar

Sonhei com um leão querendo me pegar é tipo ele só estava atrás de mim dentro da minha casa e só queria eu mesmo com minhas irmãs é minha mãe em casa

Em um quanto um pouco longe da

Em um quanto um pouco longe da minha casa, a paisagem era de muito mato alto, estava a anoitecer. Meu irmão e eu saíamos de uma casa com o nosso cachorro, ele está um pouco doente mais andava normal naquele momento. Estávamos lá porque meu irmão estava consertando algo do cachorro. Nesse caminho para casa, a movimentação de automóveis era nula, mas depois que casas começaram a surgir, nosso cachorro ficou para trás. Eu fiquei preocupada dele nao encontrar o caminho para nossa casa, mas meu irmão parecia não se preocupar com isso. Durante todo o trajeto estavamos em silêncio, ate eu perceber que ele estava mancando e perguntar o porquê. Ele respondeu que foi com o máquina se soldar. Ficamos em silêncio novamente, e mais para frente começaram a surgir automóveis, e eu estava com medo deles por eu não estar do lado certo da rua. Andávamos e eu era a única a ficar entre os carros e motos, eu ficava encurralada pelos automóveis que estavam saindo da minha antiga escola. Enquanto isso meu irmão andava na frente. Quando consegui sair do meio dos automóveis, procurei meu irmão, mas não o encontrei. Continuei andando pela frente da fachada da escola, comecei a perceber que as pessoas que estavam lá eram pessoas da minha escola atual, vi um amigo muito especial entre as pessoas, mas o ignorei, e saí a procura do meu irmão, tentando me esconder do meu amigo. Enquanto passava por trás das suas costas a cerca de um metro de distância, ele me percebe e do nada surge em minha frente tentando me dar um selinho, tenho desviar. Ele fala comigo e eu olho para trás a procura do meu irmão; que até um momento atrás eu havia o confundido com um menino que andava com uma "amiga" minha mais a frente, e eu estranhei e havia ficado com ciúmes. Olhando para trás o encontrei, ele olhava para mim também, falo para meu amigo "meu irmão está aqui", e ele olha a procura rapidamente e ignorando minha fala, se ajoelha em minha frente, estavamos no meio da rua e com várias pessoas ao redor, acho fofo, mas penso "não havia outro momento para isso?". Penso que meu irmão está vendo aquilo e não gosto, mas ignoro tal pensamento, e foco no rapaz ajoelhado minha frente falando "bora namorar comigo?" Minha mente está pensamento várias coisas, falo "você quer ir no bora né, então bora" e solto um "eu aceito", que sai com dificuldade e descompleto, consegui e não consegui responder. Acordo no susto. Em um outro sonho, eu estava com meu irmão a noite, e fugiamos. Parecendo filme de ação, pulavamos muros e corríamos, quando entramos em nossa casa achando estar seguros (não vi minha mãe, mas minha falecida avó estava assistindo televisão), olhávamos tudo e a porta da sala estava aberta, passou dois caras de moto, o de trás que estava com camisa amarela era o único que eu conhecia, quando olhou para tras, me viu. Rapidamente falei para meu irmão, e ele chateado por isso, falou "temos que sair daqui". Corremos para o quintal, enquanto ouvíamos o barulho ao redor da casa de pessoas. Quando íamos pular o muro havia uma pessoa dentro de um buraco nos esperando, recuamos e íamos olhar o outro muro quando passou um caminhão com homens em pé, em frente a nossa casa, meu irmão mandou eu me esconder, mas um deles me viu. Mas algumas cenas aconteceram, estávamos escuralados dentro do quintal, resolvemos ficar na biqueira, quando do nada, meu irmão virou um cara coreano, que agr era meu namorado. Eu também fiquei com aparência asiática. Na biqueira da minha casa, tinha um homem junto de nós, ele se aproximou e meu namorado fez um acordo com ele e com os demais, pra da uma chance de nos sair sem ser injusto já que estávamos cercados. O homem aceitou, e tínhamos que pular o muro, depois de muitas tentativas minhas e dele, eu desisti de ficar naquela parte que o muro era mais alto, e fui para a parte mais baixa, tentei e consegui pular, mas ainda havia mas quatro muros para pular eles eram próximos um do outro e de alturas diferentes. Do nada começaram a surgir pessoas da minha atual escola, pessoas que eu falo ou já falei, elas pareciam estar ali, só pela diversão. Eu estava destemida em conseguir sair dali, com uma até certa facilidade consegui pular os muros, mas no último eu fiquei em cima dele, porque se eu ficasse no chão ia contar, e os caras iam começar a me seguir, fiquei ali esperando meu namorado pular o restante dos muros, ele só havia pulado um por enquanto. Com certa dificuldade ele foi pulando um em um. Enquanto isso eu pensava em formas de conseguimos escapar e nos esconder. Era difícil pq tinha muitos homens a nosso redor. Último muro ele desceu, eu desci, e começou a contar os segundos, eu saí em disparada em direção a grade/portão, pulei, e senti ele atrás de mim, sempre olhando pra frente pensamento em qual caminho melhor seguir, mas também pensando que os caras deviam estar logo atrás de nós, tive a impressão de que logo surgiria um carro em nossa frente e estaríamos encurralados.

Eu estava em uma roda cum duas

Eu estava em uma roda cum duas meninas indigenas e seus pais, eles estavam colocando fumo, mas era em pó em um cachimbo diferente e explicando o porquê de fazer aquilo, a importância. A casula ficou no meu colo, varias posições e momentos diferentes. Do nada os pais das crianças viraram outras pessoas que eu conheço na vida real. A gente conversava, outra moça que não sei quem era também conversava conosco sobre muitas coisas da vida. Eu sentia nesse sonho, que ele queria minha ajuda pra realizar trabalhos espirituais junto com outra parente indigena e eu até pensava em estudar e ajudar. Tudo isso pensava e sentia levantando e pegando o celular dos dois que estavam conversando comigo.  Quando entrei o celular para eles, entreguei primeiro pra a mulher e depois para o cara. Ela estava em minha direita e o cara a minha esquerda. Quando entreguei pra ele, senti algo muito estranho e diferente, eu sabia que ele tinha conseguido ver algo sobre mim e fiquei com medo mas fngi nao ter medo. Ele nao piscava nem tirava o olho de mim, ate que começou a falar "quando me falaram que meus antepassados cairam na terra, nao é sobre eles terem estado na terra, e sim que eles cairam para o plano abaixo" ele seguiu pensando e do nada estava em outro canto da varanda da minha casa, com a mulher ao lado dele e eu parada contra a parede querendo saber mais. Ele com semblante triste viu que uma alma com apenas duas vindas a terra tinha ja ido com a alma la pra baixo.... e que nunca tinha visto isso. Eu perguntei se era eu, e percebi que sim, mas antes me desesperei. Falei que nao queria ser uma má pessoa, mas eu falei tentando chorar e ele disse que era choro de mentira e a mulher concordou e bateu nas minhas costas tentando me confortar, falando estar tudo bem. No sonho eu sabia que era choro forçado mesmo. Antes disso tudo acontecer, sonhei com monstros estranhos que pareciam de desenho e nao reais atras de mim, lambendo meu pé comigo sentada no sofa da sala da tia dira e minha mae sentada do meu lado. Eu lembro que a gente ia sair pra trocar a tela do iphone da minha irmã e eu ia conversar com minha mae sobre isso e ela ficava nervosa falando e quase chorava. Mas eu nao lembro o que ela falava. Meu primo rodrigo, via um rato, e eu subi no sofa enquanto ele com a vassoura tentava tirar o rato de perto casa, mas o rato veio pra perto de mim, tentando pegar minha perna em cima do sofa.  Nessa eu tentei pegar ele, com a mao mesmo nas patas, todos falavam que eu estava errada em fazer aquilo mas fiz. Do nada o rato virou um pprco e eu tentava jogar ele pra onde estava meu primo com a vassoura mas era como se o porco percebesse isso, se segurasse e mim e me olhace com cara de "nao conseguiu" querendo dar um leve sorriso e eu continuava tentando. Ate que consegui, mas fiquei tida com furos das tentativas dele de me morder, das varias vezes que ele caia perto de mim, eu ia pegar ele de novo e ele me mordia tambem. Eu perguntei pra minha mae se eu ficaria com febre suina e se todos que tem morre e se todos que sao mordidos por porcos ficam com isso. Minha mae disse que fica, mas nao falou se morre. Eu lavava com sabão, tentando limpar na pia de um lugar que parecia a parte de fora da zona dos alunos da minha faculdade. 

Estava eu e mais 2 pessoas na

Estava eu e mais 2 pessoas na saída da minha casa, o homem disse para a irmã que iria se reconciliar comigo

Sonhei que estava com muito medo de

Sonhei que estava com muito medo de amedrontada e derrepente senti ia acontecer alguma coisa ruim iam arrobar a porta da minha casa e antes do acontecimento fui segurar a porta e derrepente homens atiravam no meu peito e na minha casa e caia no chao e sentia um aperto orrivel, nesse sonho estava amendrotada e com muito medo, sensaçao de morte