Teu Sonho Logo

Sonhos Recentes contém esperar

Menu botão

Os Sonhos Mais Vistos

Fugir

Fugir

Coleção De Sonhos - Busca Sonhos

Sonhos no banco de dados cadastrados para serem analisados ​​e interpretados - pesquise sonhos contendo os símbolos do seu sonho


Sonhei que estava no sítio da minha

Sonhei que estava no sítio da minha família e fui fazer alguma coisa na porteira com uma vaca e meu avô estava junto montado em um cavalo quando alguns cachorros bravos apareceram e nós encurralaram, mas meu primo chegou e conseguiu fazer com que eles fosse embora. Depois quanto estávamos voltando para casa muitas pessoas começaram a aparecer e essas pessoas estavam vestidas muito bem e todos falavam para mim que elas eram do náutico, depois disso eu fui para uma piscina que tinha e descobri que eu era adotada, e na realidade eu era filha de uma sereia e dancei na chuva com uma pessoa que eu tinha sentimentos no sonho e demonstrava ter sentimentos por mim, porém era uma pessoa comprometida então eu não deixei que nada acontecesse entre nós. Lá tinham outras sereias que estavam juntas a um fugitivo que eu suspeitei estar sendo procurado pelas pessoas do náutico e eu conversei com elas que prometeram me ajudar a encontrar os meus verdadeiros pais. Enquanto tudo acontecia eu estava esperando minha prima para pegarmos algumas frutas, lembro de ver um pé cheio de jabuticabas um pouco passadas e um pé de mamão cheio de mamões. Quando cansei de esperar fui até ela e percebi que ela estava com um filhote de gato na mão e um colírio o qual ela usou para tirar a visão desse gatinho. Eu fiquei tão brava que gritava e tentava fazer algo para impedir mas algo não me deixava ir até ela para pará-la. Depois disso eu fui caminhar na estrada e fiquei pensando sobre uma pessoa que eu sou muito fã, e eu pensava o seguinte "Eu com certeza vou conhecer essa pessoa, nós vamos ser pra sempre ligados porque nós somos primos" e logo depois disso eu acordei.

Estava em uma chácara e uma cobra

Estava em uma chácara e uma cobra branca me picou na mão, e meus dedos começaram a apodrecer e saia uma secreção branca da ferida, pedia ajuda para meu marido e ele não me ajudava, falava pra eu esperar e depois de um tempo eu não me preocupei mais, e as feridas não mudava eu limpava a secreção branca e hora que eu olhava denovo estava tudo lá..

Estava em uma chácara e uma cobra

Estava em uma chácara e uma cobra branca me picou na mão, e meus dedos começaram a apodrecer e saia uma secreção branca da ferida, pedia ajuda para meu marido e ele não me ajudava, falava pra eu esperar e depois de um tempo eu não me preocupei mais, e as férias não mudava eu limpava a secreção branca e hora que eu olhava denovo estava tudo lá..

Sonhei com meu pai e eu em

Sonhei com meu pai e eu em um carro, mas ele estava acelerando muito o carro, fiquei calada, pensei: ele sabe oq esta fazendo, mas depois me desesperei estava rapido demais, então eu pedi pra ele ir devagar, ele disse q sabia oq estava fazendo, então sem esperar ele errou a curva, ele não deu a curva e o carro foi direto em um penhasco, na hora ele disse: poxa errei a curva ferrou, com o susto e adrenalina eu acordei, senti raiva dele por n me escutar, já sonhei a msm coisa antes desse sonho, meu pai n me escutava e acelerava o carro no penhasco antes d chegar na ponta do penhasco ele empurrava na minha boca, um liquido doce, consegue sentir o gosto e gelado e doce, era veneno, sei disso pq não engoli, mas ele sim, quando caimos na água abri a janela, e tentei puxar ele, msm assustada, não queria deixar meu pai, mas ele se negava a sair e até segurava meu braço para eu ficar, ele começou a vomitar uma gosma branca e ter convulçoes, ver aquilo me chocou, e acordei sentindo um vazio enorme, por favor me ajuda a entender esse sonho, já a segunda vez, tenho medo de ser algo me avisando, por favor me ajuda

Tem um lugar que eu nao se

Tem um lugar que eu nao se se existe de verdade,nesse lugar é tipo um cinema,mas e diferente,e ai quando vc passa por um monte de lugar vc encontra um bicho ENORME,que da medo,ele e gigante e eu nem sei que bicho e aquele,bom esse e o do primeiro sonho,o do dessa vez ele acordou,so que era naquele lugar mais na MINHA casa,tipo ele acordou saiu daquele lugar e começou a rodear a minha varanda,so que ele parou ele nao quis entrar,eu achei estranho,so que tipo naquela hora eu ja tinha visto ele no primeiro sonho e o de hoje eu tava com alguemas amigas que nao deu para ver a cara e ai nos fomos ate ele,so que eu era a unica que nao queria pois sabia que ia dar ruim mas mesmo assim fui,depois de passarmos pelos lugares chegamo em uma porta falei para ninguem abrir a porta ai do nad alguem aparece(eu nao lembro quem era)ai tinha uma idosa la fazendo trico,adivinha essa idosa era a vo da giulia minha vizinha,so que tinha uma janela gigante e eu vi uma coisa,nos aproximamos e la estava o bicho,eu tav indo sair daquele lugar quando o roger e a nadine apareceram(eles sao das aventurs de poliana,aquela novela)o roger deixou a nadine brava e ela grittou o nomedo montro que era floquinho ou um outro que eu esqueci,enfim ele acordou,depois do nada eu tava na mnha casa e começamos a arrumar as coisas para ir embora,pois logo ele ia derrubar tudo,so que tipo eu nao moravaem um predio e sim em uma caa,mas tipo de igual era o meu quarto o quarto do meio e a sala,continuando,meus avos tavam aqui e tbm arrumaram as coisas,e ai antes do mostro entrar eu fui pegar a dory,foi um custo mas consegui,eu pensei no que levar pq nao dava tempo,eu tava descalço eu so pequei um cinhelo,meu pai ja tava pronto no carro para irmos e meu vô tava entrando quando uma mulher vem ate mim,eu nao sabia quem era,e mandei ela ir embora,depois minha mae aparece e diz para esperar que tinha que mostrar aquela casa para ela,eu fiquei desesperada,pq o mostro poderia surgir a qual quer momento,e ai ela falou que so ia mostrar bem rapido e depois a casa seria dela,enfim eu fui no quarto do meio pq la tinha tipo uma porta de vidro gigante,e eu vi o mostro,fiquei tao desesperada,enfim minha mae e minha vó estava na sala cokm a mulher,e ela queria ver a casa,fiquei com meod que vai que ela visse o mostro,ai ela passou e tal,so que esse mostro virou uma cara de bebe,mas so o rossto,so que eu tava pensando em falar que era meu outro cachorro,so que ela nem viu ele,e foi embora,depois quando eu ja tava no carro lembrei das coisas da dory,perguntei para o meu pai ele disse que precisavam,entao eu desci e fui pegar,so que onde tava era onde o mostro tava,enfim cheguei morrrendo de medo,so que tipo o mostro nem me viu,e eguei tudo,so que do nada muda de cenario de novo e agora eu to na casa da minha vó,o carro la fora e eu desesperada para sair so que o mostro tava rodiando tudo,nao lembro o que aconteceu,mas ai depois eu ate chutava o bicho,e enfim depois eu nao lembro mais o que aconteceu,e meu pai me acrodou

Estava dentro do carro com meus progenitores

Estava dentro do carro com meus progenitores (não chamo mais de pais pelos abusos que sofri de ambos) o Edmilson dirigindo o carro e a Sidineia como passageiro e eu atrás. Minha irmã mais nova não aparece no sonho. Fazíamos curva adentrando uma avenida grande, alta e bem construída (como uma da Ponte Estaiada por exemplo) e andamos até um pouco dela, ja que ela estava desmoronando e sem continuação. Quando retornamos para tentar voltar, ja não havia mais estrada, pois estava caindo e havia pessoas que vinham de outras direções paralelas nas pontes debaixo e estavam caindo. Conseguimos parar e como num corte de cena estávamos de pé decidindo o que iria ser feito. A Sidineia disse algo como " e agora mô o que a gente vai fazer?" e o Edmilson respondeu. Não lembro em detalhes a resposta mas sei que ele continuava apegado a existencia do carro, na beira do precipício. E eu estava pensando se era mais viável pular com jeito e tentar não morrer ou tentar esperar no pouco chão que tinha. Foi basicamente isso.

Eu sonhei que estava indo a escola

Eu sonhei que estava indo a escola entregar meus trabalhos de escola Na volta e na volta eu encontrei vários trabalhos e papéis de atividades minhas jogadas no chão, como se eu tivesse esquecido de entregar , nesse mesmo momento o cenário do meu sonho muda e passa a ser uma subida com o tempo frio e nublado e do meu lado Dois vampiros ,Damon Salvatore e Stefan Salvatore eles subiam o morro comigo chegando mais a cima do morro eu avistei uma casa grande de madeira eles entram e me pedem pra esperar ali fora ,eles entram e eu fico então eu olho para o outro lado da rua de asfalto e há uma outra casa de madeira dessas americanas com 2 pessoas no escuro eu apenas vejo os olhos amarelos de um deles então eles saiem de lá e eu vejo nítidamente o homem de olhos amarelos , eu vejo o Klaus Mikaelson e o Helija mikaelson o klaus que é um híbrido se aproxima de mim e quando ele vai me falar algo eu acordo

Eu fui na casa da minha mãe,

Eu fui na casa da minha mãe, com o meu filho, pegar meus documentos,mas ela me pediu para esperar e eu fui embora com medo de que ela me seguisse.quando cheguei na minha casa notei que tinha me esquecido dos documentos então voutei na casa dela para busca, enquando eu procurava,ela pegou meu filho e saiu, uma visinha veio me diser: eu vim te buscar pra te levar onde sua mãe está.entao meu filho apareceu como se tivesse fugido da minha mãe. Quando eu encontrei os documentos eu olhei pela greta da janela e vi uma duas mulheres,uma com cabelos longos e pretos,e a outra com um blak power castanho e dois homens no quintal,um deles deu um tapa na nuca da mulher com o cabelo blak power castanho. Um deles veio até a mim, parecia que a casa era deles e não era mais da minha mãe.

Eu fui na casa da minha mãe,

Eu fui na casa da minha mãe, com o meu filho, pegar meus documentos,mas ela me pediu para esperar e eu fui embora com medo de que ela me seguisse.quando cheguei na minha casa notei que tinha me esquecido dos documentos então voutei na casa dela para busca, enquando eu procurava,ela pegou meu filho e saiu, uma visinha veio me diser: eu vim te buscar pra te levar onde sua mãe está.entao meu filho apareceu como se tivesse fugido da minha mãe. Quando eu encontrei os documentos eu olhei pela greta da janela e vi uma duas mulheres e dois homens no quintal,um deles deu um tapa na nuca de uma das mulheres. Um deles veio até a mim, parecia que a casa era deles e não era mais da minha mãe.