Teu Sonho Logo

Sonhos Recentes contém porta

Menu botão

Os Sonhos Mais Vistos

Fugir

Fugir

Coleção De Sonhos - Busca Sonhos

Sonhos no banco de dados cadastrados para serem analisados ​​e interpretados - pesquise sonhos contendo os símbolos do seu sonho


[3/5 12:52] kaliel: acabei de ter um

[3/5 12:52] kaliel: acabei de ter um sonho profético [3/5 12:52] kaliel: sonhei que eu tava na casa do kauan [3/5 12:52] kaliel: E eu tinha ia q ir correndo pra casa [3/5 12:52] kaliel: aí ligavam [3/5 12:52] kaliel: só q do nada eu aparecia deitado [3/5 12:52] kaliel: e eu me levantava né [3/5 12:52] kaliel: minha visão [3/5 12:52] kaliel: Aí eu via um cachorro pequeno [3/5 12:52] kaliel: só q tava tudo piscando [3/5 12:52] kaliel: Ai o cachorro ia na minha direção e pulava [3/5 12:52] kaliel: e ficava correndo em direção a porta [3/5 12:52] kaliel: Aí a frase completava "As vezes você é pequeno d+ pra ser um Pitbull, mas grande d+ pra ser um pobre filhote, tudo vai refletir no que você vai fazer agora" e o cachorro virava um Pitbullzao fudido [3/5 12:52] kaliel: Acordei assustado [3/5 12:52] kaliel: só sei que o cachorro [3/5 12:52] kaliel: do nd [3/5 12:52] kaliel: E ele ia crescendo tlgd [3/5 12:52] kaliel: era mto pequeno [3/5 12:52] kaliel: Era como [3/5 12:52] kaliel: se eu tivesse mto cm sono [3/5 12:52] kaliel: E dps [3/5 12:52] kaliel: Ficava branco [3/5 12:52] kaliel: Ficava preto [3/5 12:52] kaliel: E o cachorro grandão pulou na minha cara [3/5 12:52] kaliel: e eu via tudo dnv [3/5 12:52] kaliel: aí ficou tudo preto [3/5 12:52] kaliel: Só isso [3/5 12:54] kaliel: E era como se alternasse á vida reao [3/5 12:54] kaliel: E o sonho [3/5 12:55] kaliel: Só sei [3/5 12:55] kaliel: Que tava falando [3/5 12:55] kaliel: Q ia acontecer um bglh [3/5 12:55] kaliel: E tudo ia se resumir nisso [3/5 12:55] kaliel: Se eu ia desistir [3/5 12:55] kaliel: Ou não [3/5 12:55] kaliel: Mas n sei oq era '---' [3/5 12:55] kaliel: Só sei que parecia que alguém tava falando cmg [3/5 12:55] kaliel: Mas n tinha ngm comigo no sonho [3/5 12:55] kaliel: '-' [3/5 12:58] kaliel: Uma voz clichê aí [3/5 12:58] kaliel: Esse cachorro [3/5 12:58] kaliel: Pequeno [3/5 12:58] kaliel: Que eu falei [3/5 12:58] kaliel: Eu sonhei com ele [3/5 12:58] kaliel: O sonho [3/5 12:58] kaliel: Inteiro [3/5 12:58] kaliel: Não importa [3/5 12:58] kaliel: O local do sonho [3/5 12:58] kaliel: Que eu tava [3/5 12:58] kaliel: Se eu olhasse pro chão [3/5 12:58] kaliel: Ele tava lá '-' [3/5 12:59] kaliel: estou deveras encucado [3/5 12:59] kaliel: Só sei que na hora [3/5 12:59] kaliel: Falava [3/5 13:00] kaliel: "não desista agora, tudo vai se resumir nisso" [3/5 13:00] kaliel: E o cachorro pulava [3/5 13:00] kaliel: E eu acordei muito assustado '-'

Sonhei que roubaram meu carro branco do

Sonhei que roubaram meu carro branco do trabalho quando fui até ele. Eu estava com várias sacolas com roupas que ganhei. Eu e a minha esposa fomos ver se alguém viu o roubo. Chegamos em uma casa, caminhamos no pátio, eu ia pular o muro que estava meio frouxo, e voltei pelo outro lado. A minha esposa fechou o portão com cadeados abertos e fechados usando correntes. Fomos a uma lanchonete, ela foi ao banheiro, alguém ofereceu um hambúrguer para ela e ela comeu um pedaço. eu ia ligar para a minha empresa relatando o ocorrido e para a polícia. Tirei da sacola uma vianda com comida para dar a minha esposa, tinha arroz e feijão. No meu carro tinha a minha balança digital

Estavamos em uma praia ( eu, uma

Estavamos em uma praia ( eu, uma moça mais jovem, um senhor e uma senhora ), todos pareciam ser muito próximos a mim no sonho. A senhora entrou na beirada, e assim que entrou o mar começou a puxa-la violentamente, fiquei deseperada, tentando puxar de volta, mas sozinha não dei conta, e os outros dois correram, querendo somente sair dali. Como se eu tivesse tido um apagão, pulei direto para o funeral da senhora. Assim que o funeral acabou, começaram a mostrar filmagens e fotos daquele dia na praia, e como se eu estivesse revivendo, comecei a lembra de tudo o que houve, como se tivesse voltado na primeira parte. No momento em que a senhora foi puxada pelo mar, foi como se fosse em uma linha reta, e aquele espaço por onde ela era arrastada, foi ficando literalmente seco, porém, nas laterais a água continuava calma. Aquela água que era puxada com a senhora, formava uma onda imensa, que repentinamete começou a voltar novamente para a beirada, e nesse momento o mar ficava revolto. No momento em que a onda voltada, vimos um peixe enorme, que de longe era semelhante a um tubarão, vindo no meio da onda. Entramos em pânico e começamos a correr, e quando esse peixe e essa onda chegaram a a beira da praia, era como se o peixe estivesse morto, e nao era um tubarão, ele era maior, tinha olhos semelhante a de peixes comuns, um desenho de bolinhas em sua cabeça, euma pequena ponta em sua "testa", que se parecia com a ponta de um chifre pequeno. Em cima dele estava a senhora, ainda respirava, mas nao se mexia. Falei sobre salva-la, os dois preferiram ficar distantes, então sozinha eu fui tentar tirar ela de lá. Quando cheguei perto o peixe abriu o olho, me assutei, mas ele parecia ser inofencivo até então, só imenso, então insisti em tirar a senhora de lá. Assim que ele se deu conta de que havia alguém em cima dele, ele pulo com a frente de seu corpo, fazendo a senhora ser jogada para cima, e quando ele abriu a boca, era enorme, com dentes afiados e por toda sua boca, e em uma bocanhada, ele engoliu a senhora. Fui chamada e voltei para o velório, sentindo uma raiva enorme em mim, dos dois que estavam lá, por que não tentaram nada para salvar a senhora comigo, talvez se eu não estivesse sozinha, se eles tivessem ajudado, teriamos salvado ela. Falei então que iria embora, para um lugar onde não houvesse mar. Quando me dei conta eu estava vivendo em um tipo de vila, ou aldeia, nao sei dizer. Era um lugar bem simples, com estradas de terra casas próximas, e já tinha bastantes amigos. Quando três amgos bateram em minha porta, para irmos em algum lugar, e quando eu estava indo, lembrei de voltar e chamar uma amiga. Quando estava em frente a porta dela, notei uma cobra, marrom, com desenhos no corpo, no chão me incarando (tenho pavor de cobras) comecei a gritar pedindo socorro, e nesse momento, ao invés da cobra dar o bote no rapaz que estava mais próximo a ela e no chão, ela preferiu dar o bote em mim, que estava pendurada em uma arvore escorregando. Assim que ela deu o bote, e conseguiu me acertar, ouvi o rapaz falando que era para mim ficar calma, tentando tirar ela de mim, e eu começando a apagar. Assim que finalmente apaguei no sonho, eu acordei.

Estava no quintal com minha irmã, e

Estava no quintal com minha irmã, e de repente apareceu um pássaro preto muito grande comendo no pé de bananeira, chamei minha irmã e perguntei se ela tinha visto ela falou não, ele voltou e foi para o de Araça minha irmã começou a falar que era para agente correr, saímos correndo trancamos o portão e ele veio a trás da gente, minha vó trancou ele na gaiola e minha prima estava tentando solta ele, ele veio atrás de nós e me encurralou na parede minha vó veio correndo atrás falando quem trouxe, expliquei a ela tudo que aconteceu ela saiu e não disse nada.

Eu sonhei que estava em uma sala

Eu sonhei que estava em uma sala branca e eu estava meio inconsciente, e alguém me colou dentro de um refrigerador, e ficava me arrastando pra frente e para atrás. E tinha um buraco aonde eu estava olhando. E na porta havia um homem que me assustava muito eu tremia e chorava, ele tinha um sorriso muito estranho e o olhar também mais não vi o rosto dele completo. E no sonho ele abriu a porta e ficou tudo escuro e acordei chorando E eu tenho esse sonho frequentemente e repetido

Sonhei que estava na minha rua ,

Sonhei que estava na minha rua , desci e uma cobra do tamanho da anaconda tentava me dar o bote e desviava, subindo a rua olhava ela lentamente fazendo a curva na minha direção e tentava me atacar de novo, reparei que encontrei minha tia na rua num carro(ela não sabe dirigir, é estava dirigindo) depois corri em direção a porta de casa e a cobra veio atrás de mim.

Havia uma casa em inacabada, de dois

Havia uma casa em inacabada, de dois andares, onde se encontrava eu e mais 3 pessoas,dentre las dois aleijados e um homem bondoso, moreno, barba branca e cabelo grisalho. dentre esses dois aleijados um deles, com caracteristicas, morena, cabelo curto dentres tortos se comportava como um animal(igual aqueles em que não deixa o proximo comer). Ambos tinham caracteristicas semelhantes, andavam se arrastando, mãos e pés finos, moviam-se somente com a força dos braços. Porém em um certo momento do sonho, onde estava chovendo o homem bondoso sentou-se num banco feito de madeiras velhas e começou a conversar comigo, o aleijado, também bonsoso, se aproximou e continuamos nossa conversa. Mas do nada chegou o outro surgiu de um pequeno banheiro e saiu socando e espancando com uma madeira o enfermo que estava proximo de nós, e num momento de desespero peguei o coitado nos braços e corri. Mas não lembro do restante, acordei nesse exato momento e não consegui entender esse sonho.

Eu não consigo me lembrar muito bem

Eu não consigo me lembrar muito bem da ordem cronológica dos eventos do meu sonho, porém ele estava relacionado com uma escola que eu estudei por muito tempo e uma escola que eu iria estudar no começo do ano. Eu lembro de estar na escola que eu ia estudar e um dos meus melhores amigos estava lá também, nós estávamos tendo aula mesmo durante a pandemia, todos sem máscara, só que todo mundo ficavam em gaiolas muito apertadas que as vezes comportavam mais de uma pessoa e, essas gaiolas ficavam muito próximas umas das outras. Também lembro que o país estava numa crise muito pior e minha mãe ia vender pilha derretida pra sair do país, porém eu joguei água na pilha derretida sem querer e fiquei tentando recuperar. Outra coisa que eu me lembro é que ia ter jogos internos na escola que eu estudei e nós estávamos vendendo doces para que pudesse acontecer, já que a escola não podia financiar por causa da crise, aí eu fui vender uma bala, só que eu me distraí e comi a bala sem querer, então eu fui na minha sala pra pegar outra, porém havia duas gurias que ficavam dançando na escada pra distrair as pessoas e deixar elas confusas, então eu apenas passei por elas como se eu não me importasse e subi a escada, mas na hora que eu virei o corredor eu quase caí de quatro andares e as meninas começaram a rir de mim. Depois disso eu só meu lembro de estar em um filme como se fosse um filme das Barbie qualquer, porém cheio de palavrões. E o sonho também ficava dando pausas muito reais em que eu começava a sonhar que acordava na minha cama, pegava meu celular e começava a falar um monte de besteiras por mensagem no meu grupo de amigos.

Sonhei que estava no trabalho sozinha, estava

Sonhei que estava no trabalho sozinha, estava olhando o feed do facebook e veio uma lembrança minha de fotos entubadas, pensei que bom que não estou mais com esses tubos era horrível, em seguida fazia carinho no cachorro do meu irmão, quando a porta da sala onde eu trabalho abriu e um amigo que ja faleceu aparece vem caminhando a te mim e me da um abraço, acordei assustado após isso

Sonhei que estava na casa da minha

Sonhei que estava na casa da minha prima e do nada escuto ruivos de lobo. Meus tios gritando porque eu estava fechando a porta, só que aparece uma mulher de vestido braco e sorrir, que quebra a porta. Derrepente, vejo que estou deitada dormindo vejo um homem de preto parando perto da cama e começa á andar perto da minha cabeça e para. Fecho os olhos e um lobo passa perto e cheira meu pescoço e o homem fala alguma coisa só que não me lembro.